quinta-feira, 8 de setembro de 2011

A sinceridade já não estava presente há tempos. Te enganar foi tão fácil, que fui mentindo cada vez mais, se tornou um hábito fingir que sentia algo, fingir que me importava, e fui te manipulando, você tão ingênuo acreditava em tudo que eu dizia, e isso foi crescendo, fomos nos envolvendo, comecei a sentir algo, mas você descobriu todo o plano e me deixou, com razão, e agora tudo é tão estranho, tão vazio, minha vida perdeu um pouco do sentido desde quando você se foi.

Não deveria sentir...

Nenhum comentário:

Postar um comentário