terça-feira, 25 de outubro de 2011


" Ela disse que eu não sabia o que estava fazendo, me pediu pra esperar e foi lá no quarto buscar algo, eu impaciente saí correndo e fui atrás dela. Ela estava com uma caixa na mão, eu parei e perguntei: - O que é isso? Ela sorriu e respondeu: - São lembranças de um passado maravilhoso, onde nós fomos tão felizes. Quando ouvi aquilo lágrimas desceram dos meu olhos, nunca pensei que ela fosse guardar aquelas coisas que dizia ser tão idiotas, e, naquele momento, tive a certeza de que ela me amava. " 

Nenhum comentário:

Postar um comentário