quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Seria uma história de amor moderna?


Moravam em estados diferentes. Ele tinha 18 anos, ela era possessiva, ele tarado, ela taurina. Se 'conheceram' através de um amigo em comum, ela quis manter contato com ele, mesmo achando que ele era chato. Ele pediu o msn dela. Começaram a se falar, ela logo mudou a visão que tinha a respeito dele, ele com seu jeito sapeca de ser, aos poucos, seduziu-a com palavras, e conseguiu o que queria. Ela foi ficando cada vez mais envolvida, sabia que em algum momento aquilo iria acabar, ele era do tipo que não se apegava, ela queria tê-lo cada vez mais, ele queria apenas transar com ela. O tempo foi passando, continuaram se falando, e se gostando também. Ele acabou se apaixonando por ela, ela se apaixonou por ele, ele demonstrou seu lado de italiano romântico, deixando-a encantada, ela se sentia querida por ele. Decidiram se conhecer pessoalmente e viajaram pro mesmo local. Ficaram encantados um com o outro, ele a tratou como se ela fosse uma princesa, ela super carinhosa mimava-o. A noite foram jantar, dançaram, se divertiram, quando estavam indo para o hotel ele se declarou pra ela, disse que a amava, que ela havia mudado-o, ela ficou tão feliz que começou a chorar, e disse que era tudo que queria ouvir dele. Se beijaram, entraram pro quarto, tomaram um banho juntos, ficaram admirando as estrelas da sacada, ele começou a beijá-la, ela ficou muito excitada, e naquela noite tiveram sua primeira vez juntos, ele a fez mulher, ela se entregou, e o amor aconteceu. Eles se falam até hoje, ela pensa nele todas as noites, e ele pensa nela também, continuam se relacionando, e sem que percebam, ficam cada vez mais próximos um do outro. Ela sente falta dele, ele sente saudades dela.

Nenhum comentário:

Postar um comentário